sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

ASSIM VESTIDA










Mesmo que um beijo
Veio pousar
Qual mão hesitante
Em cada seio um cravo
Elegante
Cor de rosa

Miguel-

5 comentários:

Wanderley Elian Lima disse...

Simples, completo e belo.
Abração

Karinna* disse...

*
oráculo
nas colinas dóceis
reclina-se oferenda
vislumbre de infinitos
auréola, talvez véu
das ternuras- a glória
ASSIM VESTIDA.

*Deslumbre.
BjM-
K*

marilandia disse...

ASSIM VESTIDA//DE SEDAS E BEIJOS

Mesmo que um beijo//Entre promessas
Veio pousar//Chegando do escuro
Qual mão hesitante//Inconsciência das horas
Em cada seio um cravo//No colo apaixonante
Elegante//Nas mãos dessa vida
Cor de rosa//Fêmea em eflorescência

Beijo e carinho.
Marilândia

Beatriz Prestes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Miguel Eduardo Gonçalves disse...
Este comentário foi removido pelo autor.